Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Já lá estive

breves apontamentos sobre os locais que já visitei

05
Jul10

Viru Varavad, Tallinn

artur

 

Os Portões de Viru são a principal entrada na Cidade Velha, em Tallinn.

 

Datando do século 14, estas duas torres circulares, com telhados cónicos, são algumas das torres que restam da velha fortificação que envolvia Vanalinn (Cidade Velha), a qual é património da Unesco.

 

De um lado e de outro dos portões, restaurantes com esplanadas e floristas. À esquerda, uma casa de banho pública que muita falta fez porque fecha às 18h e, logo a seguir, o omnipresente McDonalds.

 

Estive lá em junho de 2010.

04
Jul10

Pôr-do-sol em Riga

artur

 

Na capital da Letónia, no mês de Junho, o sol também quase que não se põe. A foto foi tirada da varanda do 10º andar do Albert Hotel, por volta das 22h30.

 

O Albert Hotel, situado no centro da cidade, tem Albert Einstein como tema, as paredes estão decoradas com fórmulas matemáticas e o restaurante é uma espécie de biblioteca, com livros de física e matemática.

 

No último andar, fica o bar, com a varanda que permite este panorama, no qual se destaca a torre da catedral (Doma Baznica), que tem 90 metros de altura. Originalmente construída no século 13, esta é a maior catedral luterana do Báltico.

 

Estive lá em junho de 2010.

25
Out09

CN Tower, Toronto

artur

 

A CN Tower, em Toronto, com 553 metros de altura foi a estrutura mais alta do mundo, até ser ultrapassada, em 2007, pelo arranha-céus Burj Dubai, que tem 818 metros.


A Canadian National (CN), companhia ferroviária canadiana, decidiu construir esta torre, nos anos 70, porque as comunicações eram cada vez mais complicadas, devido à construção desenfreada de arranha-céus, no centro de Toronto.


Iniciada em fevereiro de 1973, a construção da Torre terminou em abril de 1975 e 20 anos depois já não servia para nada, a não ser para ser visitada por turistas que, lá de cima, podem desfrutar de um soberbo panorama.


As iniciais CN já estavam de tal modo arreigadas à Torre, que esta passou a designar-se Canada's National Tower e atrai cerca de 2 milhões de visitantes por ano.


Estive lá em maio de 1997.

10
Out09

Lago Michigan

artur


 

O Lago Michigan faz parte dos chamados Grandes Lagos, que são cinco e é o único que fica totalmente em território norte-americano.

 

Apesar de ser o 3º maior dos 5 Grandes Lagos, acaba por ser o maior lago do mundo que fica situado num único país. O Michigan tem 494 km de comprimento e 190 de largura, com um total de 2633 km de margens. Em língua Ojibwe (mishigama), quererá dizer "grande água".

 

Ao redor do Lago, 4 estados norte-americanos: Wisconsin, Indiana, Michigan e Illinois. É neste último estado que se situa Chicago, mesmo à beira do Lago. A foto foi tirada do alto da Sears Tower, o edifício que, actualmente, é o mais alto dos EUA (442 metros), e o 5º mais alto do mundo.

 

Foi do lago Michigan que vieram, para os Açores e, depois,para todo o país, os famosos "achigãs", peixes que abundam no Lago Michigan e cujo nome é uma corruptela do nome do lago.

 

Estive lá em maio de 2006.

20
Set09

Sabugal

artur

 

A 33 km a sudeste da Guarda, Sabugal é outra praça forte do leste, dominando o vale do rio Côa, afluente do Douro.  

 

Fundada no século 13 por D. Afonso de Leão, a vila tornou-se portuguesa em 1282, por altura do casamento de D. Isabel de Aragão com D. Dinis.  

 

O aspecto final do castelo data dos finais do século 13, destacando-se a imponente torre de menagem. No início do século 19, o castelo serviu, também, para combater a 3ª invasão francesa, conduzida por Massena.  

 

Estive lá em setembro de 2009.

20
Set09

Centum Cellas

artur

 

A 4 km a norte de Belmonte, distrito de Castelo Branco, fica esta construção bizarra, denominada Torre de Centum Cellas.


Segundo as últimas escavações, esta torre romana terá sido construída no século I e faria parte de uma povoação ligada ao comércio do estanho, junto da via romana que ligava Mérida a Braga.


Para além de ser bizarro encontrar estas ruínas no meio de lado nenhum, espanta, sobretudo, a construção, em três andares, com grandes blocos de granito.


Estive lá em setembro de 2009.

20
Set09

Belmonte

artur

 

Belmonte fica situada nas faldas da serra da Estrela e identifica-se ao longe, graças à torre de menagem do seu castelo, a 600 metros de altitude.  

 

Para além do castelo, construído entre os séculos 12 e 14, Belmonte merece destaque por ser a terra natal de Pedro Álvares Cabral, que lá deixou diversas marcas, como o escudo dos Cabrais, presente não só no castelo, mas também na fachada de uma capela anexa, onde estão os restos mortais do navegador e dos seus pais.  

 

Destaque, ainda, em Belmonte, para a igreja de S. Tiago, perto do castelo, para as ruas estreitas e floridas da antiga judiaria (parece que é aqui que reside a mais importante comunidade judaica do país) e para a Pousada do Convento, altamente recomendável, desde a situação, ao conforto, passando pela tranquilidade e pelas iguarias do restaurante.  

 

Estive lá em setembro de 2009.

20
Set09

Pinhel

artur

 

A norte da Guarda, Pinhel é uma cidade com cerca de 2500 habitantes e com origens muito antigas, tendo recebido foral de D. Sancho I, em 1209.

 

Situada na serra da Marofa e junto ao rio Côa, Pinhel tem um centro histórico importante e bem conservado, onde se destaca o castelo, cuja construção ocorreu entre 1209 e 1282, com reconstrução no tempo de D. Dinis e de D. Manuel I.

 

Das seis torres originais, restam apenas duas, sendo uma delas conhecida como manuelina (na foto), por razões evidentes.

 

Estive lá em setembro de 2009.

20
Set09

Celorico da Beira

artur

 

A 28 km a noroeste da Guarda, Celorico da Beira é uma vila com 2600 habitantes e um centro histórico muito curioso.


Lá no alto, sobre um manto granítico, ergue-se um castelo do século 10, de onde sobressai a enorme torre de menagem.


Das muralhas, o panorama é soberbo.


Para chegar ao castelo, percorrem-se ruas sinuosas com casas com portas góticas e janelas manuelinas.


Estive lá em setembro de 2009.

20
Set09

Mêda

artur

 

A cerca de 70 km ao norte da Guarda, Mêda é cidade desde 2004, mas a sua origem é medieval, tendo recebido foral de D. Manuel I em 1519. Hoje em dia, o concelho de Mêda tem menos de 6 mil habitantes.  

 

O Centro Histórico de Mêda tem, como atractivo, a igreja matriz, românica, do século 16 e, lá no alto do casario, a Torre do relógio, antiga torre de vigia.  

 

Estive lá em setembro de 2009.

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Também já lá estive

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D